Make your own free website on Tripod.com








misses do brasil miss misses do brasil miss misses do brasil

Miss Rio Grande do Sul VII













Home | Ranking Miss Brasil 1954-2008 | História | Miss Brasil 2002 Taiza Thomsen | Miss Brasil 2003 Gislaine Ferreira | Miss Brasil 2004 Fabiane Niclotti | Miss Brasil 2005 Carina Beduschi | Miss Brasil 2006 Rafaela Zanella | Miss Brasil Mundo 2006 | Beleza Brasil 2006 | Melhores de 2006 | Concursos 2006 | Natália Guimarães Miss Brasil 2007 | Enquetes | Missel@ne@ | A bela do dia | O belo do dia | Links | Miss Universo 2007 | Miss Rio de Janeiro 2008 . | Miss Brasil 2008 Natalia Anderle





Voltar à Home Page

Comente um pouco sobre o seu cotidiano (trabalho, estudos, vida familiar, amigos, diversão, etc)  

Sou uma mulher normal. Meu dia-a-dia é uma rotina divertida. Atualmente dedico minhas horas para preparar-me para o Miss Brasil. Meu atual objetivo é representar meu país no principal concurso internacional, o Miss Universo. Farei o possível para conseguir este fato. Ao meu ver, querer é poder. Continuo estudando Enfermagem, mas tive que diminuir a minha carga horária por falta de tempo. Sou Assessora de Turismo da Prefeitura de Gramado. É um serviço gratificante divulgar para o país minha cidade natal, onde a principal fonte de renda é o turismo. Minha família é muito unida e me apóia em tudo que faço. Divertir-me hoje é complicado. Meus amigos reclamam que devo aproveitar mais a vida junto a eles. Terei o resto do tempo para curtir, só que com meu objetivo alcançado: ser a Miss Brasil 2004.

 

Quais os aspectos (positivos ou negativos)  mais característicos da sua personalidade?

O principal aspecto negativo em minha personalidade é a teimosia que, ao meu ver, às vezes se torna uma qualidade pela persistência em busca de meus ideais. A sinceridade e a perseverança são minhas qualidades mais marcantes.

 

Quais são os seus planos para o futuro? O fato de ser miss pode influenciar no seu futuro de alguma forma? Justifique sua resposta.

Meu objetivo de vida é realizar-me profissionalmente na área de saúde. Se for eleita a nova Miss Brasil, isso vai apenas adiar os meus planos. Em contrapartida, conhecerei a cultura e os costumes das regiões do nosso país, auxiliando no meu futuro profissional.

 

Considerando sua experiência até o momento, qual a melhor e a pior coisa de ser  miss?

Não posso afirmar que exista algo negativo em ser miss. Entrei num concurso por vontade própria sabendo o que era ser uma miss e lutei muito para chegar onde cheguei. A melhor coisa é o carinho das pessoas, a receptividade dos meus conterrâneos e ser a representante máxima da beleza do meu estado. É o que me basta.

Quais devem ser as funções mais importantes de  uma miss estadual ou uma Miss Brasil nos dias de  hoje?

Divulgar a cultura de um estado ou país, demonstrando a simplicidade e a popularidade do título que é ostentado. Acho também fundamental levar a solidariedade e o carinho às pessoas mais necessitadas, fazendo da imagem pública da miss um símbolo a favor dos problemas sociais e econômicos do nosso Brasil.

 

Que circunstâncias justificariam uma miss  renunciar ao título?

O não cumprimento do regulamento oficial do concurso, por ambas as partes. Acho também que a omissão da verdade, a falta de dignidade própria ou não ter conduta ilibada perante à sociedade em geral e à população que a miss representa podem justificar a renúncia ao título.

 

 

Qual a sua opinião sobre a cirurgia plástica  em candidatas a miss ?Já fez alguma?Em caso  positivo, poderia mencionar? Se não realizou, gostaria de fazer? Por que?

No meu posto de vista, a cirurgia plástica em concursos de beleza é válida para pequenas correções quando necessário, nunca em exageros ou para marketing pessoal, muitas vezes negativos. A beleza natural deve ser colocada como quesito na avaliação da Comissão Julgadora. Uma miss completamente modificada perde sua identidade e muitas vezes se torna refém de alguns médicos que se auto-promovem através delas. A única mudança no meu corpo foi uma prótese de silicone, um recurso ao qual aderi, em primeiro lugar, por uma questão de realização pessoal. Hoje posso explorar decotes ousados, antes escondidos, mas cada um deve saber o que é melhor para si. Respeito outras opiniões.

 

No Brasil, os concursos de miss não contam  atualmente com a mesma popularidade dos anos 50 e 60. Muitas jovens sonham em ser modelo. Há grandes diferenças entre ser modelo e miss?

As diferenças são grandes. Modelo tem estilo próprio, despojado e um visual totalmente clean, "comercial", como falam os diretores das principais agências. As  misses, às vezes, exageram na produção, na maquiagem e exploram um visual carregado. Para muitos, no mundo atual, este é um look inadequado. Desde o ano passado, porém, vejo uma mudança positiva no Miss Brasil a este respeito. A mídia mostrou-se interessada na nova roupagem do evento. Ele adquiriu maior dinâmica, mais "atitude", fazendo da nova eleita um grande e talentoso produto comercial.

 

Acredita que os concursos de beleza possam voltar a despertar o interesse do passado?Justifique sua resposta.

Claro que sim. Uma boa direção artística faz diferença. A população gosta de modernidade. Devemos acompanhar a evolução dos tempos, nunca esquecendo do glamour que fez a história dos concursos de miss no Brasil.
















Próxima Galeria
















Visitors: